Brasileiras lançam campanha para pedir desculpas à russa assediada

Os coletivos de mulheres “Não é Não”, do Rio de Janeiro, “As Minas”, de São Paulo, e o “Tamo Juntas”, de Salvador lançaram a campanha #200milliontimessorry para pedir desculpas a uma jovem cidadã russa, que foi assediada por um grupo de brasileiros na primeira semana da Copa do Mundo da Rússia.

“Juntas somos mais fortes na luta contra o machismo. Que atitudes como essa nunca sejam consideradas aceitáveis!”, explica uma nota do coletivo “Não é Não” no Facebook.

Para se engajar na iniciativa, basta gravar e compartilhar um vídeo nas redes sociais com a hashtag acima. A ideia das organizadoras é reunir o máximo de menções numa longa compilação audiovisual, que represente “duzentos milhões de vezes desculpa” (número aproximado de habitantes do Brasil).

Confira o vídeo da campanha:

Conheça ainda o desafio Sem assédio,#BrasilCriativoNaCopa e concorra a camisetas da Seleção Brasileira.

Por Redação
Com informações do GloboEsporte.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *