Desenho mais antigo do mundo lembra uma ‘hashtag’

Um grupo de arqueólogos encontrou o provável desenho mais antigo da humanidade na caverna de Blombos, 300 km da Cidade do Cabo, na África do Sul.

O desenho, que está disposto em um fragmento de rocha, consiste em algumas linhas cruzadas na cor vermelha, feito a partir de pigmentos minerais, e seria uma evidência de que o homo sapiens, há aproximadamente 73 mil anos, já possuía capacidades cognitivas.

O período estimado pelos arqueólogos representa a Idade da Pedra Média, que era dominado pelos chamados humanos caçadores-coletores.

A expedição responsável pela descoberta foi liderada pelo professor Christopher Henshilwood, da Universidade de Bergen (Noruega), resultando em um artigo na revista científica britânica Nature, publicado na última quarta-feira (12/09).

“É definitivamente um desenho abstrato e, quase com certeza, tinha algum significado para seu autor. Provavelmente fazia parte de um sistema simbólico comum compreendido por outras pessoas de seu grupo”, apontou Henshilwood.

Fato curioso: o padrão abstrato desenhado lembra uma ‘hashtag’ (cerquilha ou o popular símbolo do ‘jogo da velha’ no Brasil).

Veja no vídeo abaixo:

Com informações da Revista Galileu e do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *