Empreiteira japonesa trabalha na construção de elevador espacial

A corrida espacial, que parecia encerrada após o final da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (1991), ganha novos contornos no século 21. 

Além dos Estados Unidos, outros atores ganham protagonismo em um contexto multipolar e mais colaborativo.

No Japão, cientistas e engenheiros trabalham na construção de um elevador espacial, com o intuito de conectar a Terra com a Estação Espacial Internacional (ISS), a 408 quilômetros de altitude.

Uma das principais companhias interessadas na jornada é a empreiteira japonesa Obayashi Corp., que planeja lançar um experimento espacial ainda em 2018.

A ideia de um elevador espacial foi resgatada de um conceito do cientista russo Konstantin Tsiolkovsky (1857-1935), pioneiro no estudo da cosmonáutica.

Os pesquisadores esperam que o equipamento possa acelerar até 200 km/h e chegue à estação espacial oito dias depois da partida da Terra.

A Obayashi Corp. estima iniciar a construção do elevador espacial em 2050.

Com informações da Revista Galileu
Imagens: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *